23 de novembro de 2006

Comment Ajus et Joé furent sauvées

A estória é contada aqui.
"As curandeiras - Terão reparado numa pequena estatueta portuguesa do princípio do século XX, retratando duas mulheres chinesas que seguram frasquinhos de unguentos, exposta num dos armários da primeira sala do bar-museu "Pavilhão Chinês", no nº 89 da Rua D. Pedro V, em Lisboa? O "Pavilhão Chinês" foi outrora uma farmácia e a estatueta fazia parte do seu espólio, algum do qual adquirido pelo novo dono do espaço.
Essa tosca estatueta é uma humilde homenagem a duas curandeiras chinesas que protagonizaram, em Novembro de 1911, um escândalo de contornos bizarros que abalou a então jovem república portuguesa.
Ajus e Joé, assim as chamavam os jornais da época, numa grafia aportuguesada dos seus nomes originais, eram naturais de Xangai e apresentavam-se como especialistas em devolver a vista a cegos. Os ceguinhos de Lisboa, mais as suas caixinhas de esmolas, guitarras e acordeões, acorreram aos magotes ao humilde hotel onde as chinesas se hospedaram. Naqueles tempos conturbados, o povo sucumbia facilmente à crendice e floresciam as bruxarias.
Todavia, devido talvez ao seu perfume exótico, as chinesas foram tomadas como caso exemplar pelos republicanos, adeptos ferrenhos do positivismo. Resolveram encher-se de brio racionalista e mandaram prender as duas arautas do obscurantismo numa capital que se queria um paradigma do progresso.
A Polícia, porém, deparou com tal resistência por parte dos ceguinhos - que não hesitavam em quebrar as suas guitarras nas cabeças dos agentes - e da populaça em geral, que se tornou impossível evitar um confronto. Rebentou um motim que degenerou em mortes. Estouraram bombas. As redacções de imprensa foram assaltadas. Não fora a pronta acção da cavalaria e Machado Santos teria sido linchado. O caso acaba por ascender ao Parlamento, por iniciativa do ministro do Interior. A prisão das chinesas é usada como mote em comícios e no ataque a adversários políticos. Ninguém consegue manter a serenidade.
A estatueta do "Pavilhão Chinês" é obra de Zeferino Santos, que acompanhava o pai cego nas consultas às curandeiras. O dono da antiga farmácia resolveu adquiri-la para, por graça, a colocar ao lado do anúncio de um medicamento oftálmico.
Quanto a Ajus e Joé, poucos dias depois da sua prisão foram novamente libertadas. Recusaram a extradição para o seu país natal. Algumas semanas antes, a 26 de Outubro desse ano, Sun Yat-sen proclamara a República da China. Receavam ver-se envolvidas com mais republicanos, ainda que chineses. Deixaram Portugal num navio que iria atravessar o Atlântico e nunca mais ninguém soube delas. Tudo quanto resta é uma foto de Joshua Benoliel no Arquivo Fotográfico da Câmara Municipal de Lisboa e a estatueta do "Pavilhão Chinês".



18 comentários:

Anónimo disse...

Hi Help homeless children!
buy [url=http://phentermine.alldating.org/phentermine.htm]phentermine[/url] online
phentermine
G'night

Anónimo disse...

Wazzzup. It is a nice site!
viagra
viagra
Thanks

Anónimo disse...

Good evening. Good work!
Visit my site viagra
buy http://delta-space.info/phentermine.htm viagra online
Thanks.

Anónimo disse...

Good moning. Cool!
Visit my site phentermine
buy http://freeunixhs.info/phentermine.htm phentermine online
Thanks.

Anónimo disse...

Hello Thanks for information!
buy viagra
cheap viagra online
Bye

Anónimo disse...

Hi..!! Guys...!!!
Nice Work...WellCome to my home site...
Best regards...!! MeLinda
2nd edition roulette secret winning
casino roulette secrets
roulette secrets revealed
roulette secrets unveiled
roulette strategy secrets
roulette system secret
index.html
ameriquest mortgage company
ameriquest mortgage co
ameriquest mortgage lawsuit
ameriquest california loan mortgage refinance
index.html
caribbean poker
caribbean stud poker rule
online caribbean poker
index.html
best free web accelerator program
free web accelerator
cheap internet with web accelerator
google web accelerator

Anónimo disse...

Very-very interesting!
buy viagra
cheap viagra online
Bye

Anónimo disse...

Hello!
buy viagra,
cheap http://viagra.alldating.org/viagra.htm online
G'night

Anónimo disse...

Hi guys...!!!

Nice site.....Wellcome to my homepage
See u...!!Joyn

ORDER ABILIFY BY MAIL
FREE Prescription Drugs abilify
buy abilify online low-cost
index.html
order accutane
cheap accutane
index.html
adderall online
sell Adderall
Adderall sell
index.html
FREE Prescription Drugs
Top Pain Meds - No Prescription Required
buy acetaminophen
index.html
aciphex side effects
cheap aciphex online
does aciphex gain you weight
index.html
index1.html
buy actonel online
actonel buy
order actonel
index.html
buy Altace
Altace online
Cheap Altace
index.html
buy Allegra
buy cheap allegra
order online allegra d
index.html
Buy Alprazolam
index.html
acyclovir buy
buy cheap acyclovir
index.html
buyonline actos
onlineactos
index.html
adipex free shipping
adipex online
index.html
buy albuterol
order albuterol
index.html
buy alimta
online alimta
alimta online
index.html
order advair
index.html
cheap lamisil
buy lamisil
index.html
buy phentermine
cheap phentermine
index.html
index1.html
buy viagra
index.html
xanax valium
buy xanax
buy xanaxonline
Low-Cost buyxanax
index.html
xenicalonline
OnLinexenical
index.html
onlinezoloft
buyzoloft

Anónimo disse...

Hello people, try our products!
buy phentermine online,
cheap http://xrjuhosting.info/phentermine.htm phentermine
Sorry.

Anónimo disse...

Good morning, nice site.
visit smoking stop
http://stop-smoking-aid.batcave.net/smoking-stop.htm smoking stop
Thanks.

Anónimo disse...

Hi, Dear All!
[url=http://wikkimikki.fortunecity.com/msg001.htm]levitra[/url]
levitra

Thanks.

Anónimo disse...

Hi Nice site.
buy [url=http://tuoppi.oulu.fi/kbs-bin/readbeer?Nr=626]viagra[/url]
http://tuoppi.oulu.fi/kbs-bin/readbeer?Nr=626#viagra for you
Bye.

Anónimo disse...

Hello, Dear All!
[url=http://phentermine-abc.info/page001.htm]phentermine[/url]
phentermine

Thanks.

Anónimo disse...

Hi all!, thanks author. Look at my site.
cheap [url=http://www.rhodesschool.com/blogcomments/default.asp?blogID=23193]phentermine[/url]
http://www.rhodesschool.com/blogcomments/default.asp?blogID=23193 phentermine
G'night

Anónimo disse...

Good evening, nice design.
My site here [url=http://viagra-store.info/]viara[/url].
Take http://viagra-store.info#viagra online.
G'night.

Anónimo disse...

Hello, really cool.
And I am here [url=http://www.jahk.org/forum/topic.asp?TOPIC_ID=113]viagra[/url].
Buy http://www.jahk.org/forum/topic.asp?TOPIC_ID=113#viagra cheap.
thanks a lot.

Joaquim Fernandes disse...

Caro Amigo,

Tenho o gosto em anunciar-lhe a publicação do meu novo romance histórico "As Curandeiras Chinesas. Um motim que abalou a I República",
editado pela prestigada editora Gradiva. Será apresentado no decurso da Feira do Livro do Porto, em Setembro.

A obra reconstuitui ficcionalmente acontecimentos reais e incríveis, no ano I da nóvel República portuguesa.
Um episódio alucinante e irracional, omitido e subestimado pelos nossos manuais e varrido para debaixo do tapete da História nacional.

O que podemos dizer é que as duas chinesas, expulsas do nosso país, em 1911, devem estar a rir-se, algures, quando olham agora os "vistos dourados"
que o governo de 2014 concede, com reverências, aos seus compatriotas orientais! Que saborosa vingança!
A História tem destas crueldades....

Agradeço a eventual referência a esta obra.


Sinopse
Lisboa, Novembro de 1911. Duas chinesas chegam à capital e recuperam a visão dos cegos mais pobres que as consultam. Publicitado o «milagre»,
cresce a histeria colectiva e as autoridades ordenam a expulsão das duas curandeiras. A decisão acende um rastilho de protestos, no Parlamento e nos ministérios,
congregando multidões em inflamados comícios. Há mortos, feridos e detidos nos motins da Baixa lisboeta. Cúmulo das ironias, Machado Santos, o vencedor da Rotunda,
o fundador da República, torna-se de súbito no inimigo público dos que, um ano antes, o haviam levado em ombros... Um romance histórico de grande qualidade literária,
baseado em factos verídicos.

http://www.gradiva.pt/?q=C/BOOKSSHOW/7761


http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=725699


Agradeço a eventual referência a esta obra.

Cordiais cumprimentos,

Joaquim Fernandes, PhD


CTEC Board - Centro Transdisciplinar de Estudos da Consciência
Universidade Fernando Pessoa
Praça 9 de Abril, 349
4249-004 Porto