27 de novembro de 2013

o ministério público contra o pequeno roubo



o ministério público pediu pena suspensa para os arguidos no caso dos submarinos e sublinhou que os arguidos portugueses deste processo devem ter uma pena mais branda por terem sido pressionados a prometer falsas contrapartidas.
o ministério público da madeira pediu a absolvição dos acusados num processo sobre crimes de fraude, fraude qualificada, fraude contra a segurança social e branqueamento de capitais que envolvia a criação duma off-shore para evitar pagamentos devidos de impostos..

agora o ministério público pede a condenação de um adolescente por umas pizzas no valor de 31 euros..
acho bem que sirva de exemplo para os que querem roubar:

se é para burlar, que sejam milhões.
se forem dezenas, vão condenados

a pequena economia (do roubo) não ajuda ao crescimento nem à exportação (de capitais) nem ao desenvolvimento (dos criminosos).

3 comentários:

Não me esqueças.... disse...

infelizmente assim é.
e mais uma vez o óbvio passa despercebido.
esta inversão de valores que vai crescendo como bolor :-(

Graça Sampaio disse...

Uma vergonha a nossa justiça! Uma vergonha este nosso país!

Luísa disse...

Oh. e de certo que não ouviu falar das cuecas roubadas a uma holandesa na Madeira. Aqui foi parar ao juiz e depois de descobrirem o culpado e o objecto do furto andaram a espalhar editais a dizer que a proprietária podia ir resgatar as cuecas e que se isso não acontecer até não sei bem quando os ditos objectos revertem a favor do estado.
Eu pergunto-me se depois de não serem reclamadas se vão a hasta pública...