18 de fevereiro de 2012

Os gatos de Hemingway

Image and video hosting by TinyPic

A casa onde viveu Ernest Hemingway , em Key West, na Flórida, é habitada por uma colónia de gatos. Mas não são gatos comuns — são gatos com seis dedos.

Um dos maiores escritores do século XX herdou dos marinheiros a paixão por gatos polidáctilos. Bichanos com dedos extra eram considerados animais de boa sorte no mar, graças às suas habilidades superiores, a bordo, na caça de roedores.
Quando o autor de O Velho e o Mar foi presenteado com um gato de seis dedos por um capitão de navio, incluiu os descendentes do felino hexadáctilo no testamento. Hoje existem cerca de 60 gatos na casa do escritor — e quase metade destes animais tem a referida característica.

Fonte do texto: hypercubic ; Imagem: recebida por correio eletrónico sem referência à fonte.

6 comentários:

Maria.N.P.A. disse...

Não sabia desta preferência de Hemingway.
A fotografia é muito boa.
Parabéns.

teresa disse...

Também só descobri esta particularidade, após ter recebido a imagem. Ficou pela curiosidade, para quem (como nós) a desconhecia:)

T disse...

O Padura fala muito nestes gatos:) Bela imagem:)

Teresa disse...

Não tive a sorte de visitar a casa de Hemingway em Key West. Cheguei a meio da tarde para uma estada de cinco dias e na manhã seguinte fomos despejados do hotel, que ia fechar, já que havia evacuação obrigatória de todas as keys com a ameaça de um furacão de grau 5 que prometia aterrar justamente... em Key West.
Aina bem que assim não aconteceu e que, como quase sempre acontece, foi perdendo força e sofrendo desvios. Um furacão de grau 5 em Key West seria a destruição total, como já aconteceu nos anos 30 e os restos da linha férrea marítima ainda documentam. Todas as (lindas!) casas são de madeira, ficaria tudo arrasado.

teresa disse...

Privilégio o de conhecer o local, mesmo com impedimentos meteorológicos referidos. Vi um filme biográfico que recriava a casa e o belíssimo enquadramento, mas duvido sempre da fidelidade dessas reconstituições.

carlos disse...

apenas conheço a casa de cuba, que é uma delicia