19 de agosto de 2012

Enxuta

Tanta escrita a precisar de o ser....


5 comentários:

Paula disse...

Não conhecia este enxugador de tinta!

tuxa disse...

Se a memória não me falha era feito com papel mata-borrão. Tinha que ser usado com cuidado, porque se a pressão fosse demasiada espalhava a tinta e a escrita ficava esborratada.

Miguel Gil disse...

Uma escrita enxuta sempre é melhor que uma escrita esborratada!

carlos disse...

este era um clássico para trabalhar.
na escola era mais uma folha de mata-borrão

Óscar Felgueiras disse...

Era um mata-borrão enrolado, ligeiramente colado nas “arestas”, e sempre que a folha em uso estava demasiadamente suja de tinta retirava-se quase como se fosse uma folha de papel higiénico. Faz parte das minhas memórias de infância pois era usado pelo meu pai que era “guarda-livros”.